quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Guia de Viagem a Grécia - Dicas e Informações de Viagem Grécia - Atenas

As artes, ciências, política e o espírito esportivo têm raízes na Grécia antiga. É o berço da civilização ocidental, das olimpíadas, da filosofia analítica. Sócrates, Platão, Aristóteles, Homero, Heródoto, Péricles e Alexandre (lembrou dos seus tempos de estudante?) e muitos outros personagens que ainda são referências no dia a dia.
A Grécia voltou a ser uma nação independente em 1829, libertando-se do Império Otomano. As eleições democráticas, em 1974, substituiu a monarquia. Em 1981, tornou-se membro da Comunidade Europeia. Em 2004, Atenas voltou a ser sede dos Jogos Olímpicos.
Viajar para a Grécia é apurar os órgãos dos sentidos: seus olhos registrarão as paisagens das mais fascinantes do mundo, seu olfato os deliciosos cheiros que as flores e os alimentos exalam a cada esquina, seu paladar se aguçará com a saudável culinária mediterrânea, seus ouvidos gravarão o som do bouzuki (instrumento muito popular na música tradicional da Grécia) e das deliciosas melodias gregas, e seu tato trará, no retorno ao Brasil, todo o carinho que o povo grego certamente terá oferecido.
Conhecer um dos lugares mais lindos e românticos do mundo, Santorini, uma ilha de onde se pode admirar de cima de uma cratera vulcânica todo o azul do Egeu em meio a casinhas brancas que comportam bares, restaurantes e hotéis dos mais charmosos.
O território grego inteiro é menor do que o Estado do Paraná, entretanto seu litoral tem mais de 15.000 quilômetros de costa, duas vezes mais que todo o litoral brasileiro. Nenhuma parte do país fica a mais de 100 quilômetros do mar, facilitando, de onde estiver, o contato com as praias espalhadas pelas diversas ilhas e continente, tendo como musa para os olhos a imensidão do mar de um azul profundo e único.
Nesta postagem traremos informações sobre Atenas, cidade que mistura o antigo e o novo de um país que foi um dos berços da humanidade, e ilhas gregas.

A cidade de Atenas é dividida em 7 bairros, que são os seguintes:
Syntagma, Plaka, Monastiraki, Psirri, Makrianni, Koukaki e Kolonaki

Falaremos, com detalhes, de cada um dos bairros em postagem especifica.

Clique em "Mais informações"

Planejamento da viagem
Documentação
Passaporte
Passaporte válido por, no mínimo, seis meses contados da data de retorno ao Brasil. Atenção, pois a validade de seis meses deverá ser somada ao tempo de permanência. Esta validade foi confirmada pelo Consulado da Grécia no Rio de Janeiro, apesar de alguns blogs e sites informarem três meses (confirmação por escrito recebida em 16/07/2015).
A maioria dos países do Espaço Schengen (zona sem fronteiras da Europa continental) exige três meses, porém para a sua segurança, mantenha o seu passaporte com o prazo superior a 7 meses, pois poderá necessitar ou desejar viajar para outros países que exigem o mínimo de validade de 6 meses.
É recomendável tirar duas cópias do passaporte onde constam os dados pessoais e do documento e vistos existentes. Uma deve ficar com o companheiro(a) de viagem e outra em local diferente do original. Em caso de perda do original, a cópia vai facilitar a obtenção da autorização para retorno ao Brasil, no Consulado ou Embaixada.
Visto
Não é necessário visto prévio para entrar na Grécia, se o seu período de permanência foi de até 90 dias. A autorização será dada após a entrevista na imigração. Para prazos maiores você deve procurar a Embaixada da Grécia no Brasil para obter a autorização.
Vacinação
Não é necessário o Certificado Internacional de Vacinação contra a Febre Amarela para visitar a Grécia (confirmado, por escrito em 16/07/2015, com Consulado da Grécia no Rio de Janeiro), apesar de vários blogs e sites informarem que precisa.
Seguro de viagem
Por fazer parte do Tratado de Schengen, o seguro de saúde é obrigatório na Grécia, e é preciso comprovar assistência de viagem.
O Tratado de Schengen é um acordo assinado entre países da Comunidade Europeia - Veja todas as informações aqui - que estabelece a obrigatoriedade de que os turistas visitando esses países comprovem possuir uma Assistência a Viagens com valor mínimo de 30.000, para garantir assistência médica por doença ou acidente.
- se comprar as suas passagens pelo VISA (mínimo Platinum), terá direito ao seguro gratuitamente. Entre no site abaixo e preencha as informações para emissão do Certificado de Seguro. É bom imprimir em inglês e português.
Telefone 0800.891.3679
e-mail benefits@ap-visa.com
- tendo conta no Banco do Brasil, pode fazer com o seu Gerente. O custo é muito baixo.
- empresas especializadas em seguro de viagens:
      - Assist Card
Acesse o site: Comparador de seguro, antes de comprar.
- não deixe de consultar também agências de viagem, como, por exemplo, a CVC, que fecham negócios com operadoras de seguros e podem fazer preços melhores.
Antes de fechar negócio, leia a proposta e confirme se as coberturas atendem ao Tratado de Schengen.
Passagem
Para obter melhores preços, faça a sua reserva com antecedência de 60 a 90 dias, principalmente se sua viagem é para época de alta estação.
Tenha cuidado com passagens muito baratas, pois pode significar várias conexões, tornando a sua viagem cansativa, sem falar na perda de tempo.
Não existe voo direto do Brasil para a Grécia. É importante observar um tempo mínimo de três horas entre os voos. Você terá que passar pela imigração, alfândega, retirar as bagagens e fazer novo embarque. É melhor aguardar um pouco no free shop do que ter que pagar uma hospedagem e nova passagem.
Consulte aqui
Informações de aeroportos que você pode utilizar:
Portugal/Lisboa: Portela
Espanha/Madri: Barajas
Paris: Orly
Roma: Fiumicino
Londres: Heathrow
Milão: Malpensa
É o maior da Grécia e um dos mais agitados da Europa. Opera voos domésticos e destinos internacionais em toda a Europa, Oriente Médio, Egito, Tunisia, Estados Unidos, entre outros destinos. É também um dos mais modernos, aberto em 2001, para os Jogos Olímpicos de 2004 e, substituindo assim ao histórico aeroporto de Hellinikon.
Hospedagem
Em Atenas é recomendável ficar em hotéis de categoria turística no centro da cidade. Os preços são razoáveis e geralmente tem um bom café da manhã. Cuidado com hotéis muito baratos, pois estes podem ser de construção antiga e não ter banheiros nos quartos.
O melhor bairro para se hospedar em Atenas é Plaka, próximo as principais atrações, restaurantes, lojas, bares e muvucas.
Para obter melhores preços, faça reserva com no mínimo dois meses de antecedência.
Os preços de hotéis em cidades turísticas são sempre maiores nos finais de semana. Quanto você pede um orçamento que inclua sexta, sábado e domingo o preço informado é uma média do período.
É importante confirmar, diretamente com o hotel, a reserva com 20 dias de antecedência da viagem. Telefone ou mande um e-mail.
Veja hotéis na publicidade do Booking neste blog.
Quando ir
A melhor época para visitar a Grécia é de junho a setembro, período do verão europeu. A alta temporada começa na segunda quinzena de julho, quando o calor pode alcançar 40ºC. O ar seco e a falta de vento aumentam a sensação térmica. Nas ilhas, porém, a brisa marinha alivia o sol forte.
No inverno, de outubro a fevereiro, as temperaturas caem bastante, mas não chega a nevar em Atenas, que está mais próxima do Equador do que outras capitais europeias.
Nas ilhas gregas, a parte mais interessante do país, as coisas funcionam assim: no inverno não tem ninguém e em algumas é difícil até mesmo achar um restaurante aberto. Por outro lado, no verão, principalmente em julho e agosto, está tudo lotado e por vezes o calor é infernal. Prefira o fim da primavera e o começo do outono: pouca gente, preços baixos e temperaturas agradáveis.

Atenas – temperaturas médias
Primavera (abril): mínima 11ºC / máxima 20º
Verão (julho): mínima 23ºC / máxima 33ºC
Outono (outubro): mínima 15ºC / máxima 25ºC
Inverno (janeiro): mínima 06ºC / máxima 13ºC
Roupas
De junho a setembro, período do verão europeu, leve roupas leves como bermudas, camisetas, jeans, bonés, chapéus e óculos escuros. Sapatos confortáveis e, principalmente, tênis são fundamentais para caminhar por Atenas e ilhas. Lembre-se de levar sungas, maiôs e biquinis.
Mesmo no verão, uma malha leve ou moletom são necessários a noite, e principalmente nas ilhas, pois a brisa do mar refresca o clima. Não esqueça que você tomou muito sol, está com a pele sensível e pode sentir frio.
Leve também um conjunto esporte-chique para usar a noite num bar ou restaurante, nas festas a bordo em cruzeiros marítimos, ou ainda em algum evento em hotel fino ou local mais sofisticado.
Como chegar
Pode-se chegar à Grécia por Atenas, em vôos de companhias grandes, ou por algumas das ilhas, em vôos de companhias low cost. Avalie chegar por Atenas e retornar por um das ilhas, evitando voltar para Atenas somente para ir embora.
Quanto tempo ficar
No máximo, em uma semana é possível conhecer as principais atrações e caminhar pelos diversos bairros de Atenas. Você pode ficar mais tempo utilizando a cidade como base para visitar as principais ilhas, como Mykonos e Santorini.
Os barcos saem do porto Piraeus, que pode ser acessado via metrô em 30 minutos do centro da cidade.
Língua
O grego é a língua falada somente na Grécia. Considerando a necessidade de se comunicar com os estrangeiros, principalmente os turistas, o inglês é a segunda língua do país. O francês, italiano, alemão e o espanhol também podem ser falados em restaurantes, hotéis e atrações turísticas. Eles ainda não aprenderam o português, apesar de ter aumentado o fluxo de turistas brasileiros da Grécia.
Algumas palavras que você já pode começar treinando:
Kalí iméra = bom dia
Kalí espéra= boa tarde / boa noite
Kalí níchta = boa noite (quando se vai embora)
Yássu = como vai? / tudo bem? / tchau / até logo / saúde
Efharistó polí = muito obrigado
Sas parakaló = por favor
Me sin horíte (ou pardon) = desculpe / me dê licença
Pos to léne? = como se chama isto?
Pósso káni? = quanto custa?
Polí akrivó = muito caro
Endáksi - ok / está bom
Quanto levar em dinheiro / cartões
A moeda da Grécia, e de mais 14 dos 27 países membros da União Europeia, é o Euro (€). As notas são de 5, 10, 20, 50, 100, 200 e 500. Já as moedas são de 1 e 2 euros, 1, 2, 5, 10, 20 e 50 cents.
Todos os bancos e muitos hotéis fazem o câmbio de moedas estrangeiras, mas estes aplicam as piores taxas, enquanto os bancos cobram uma porcentagem razoável pela troca.
Podemos estimar, sem considerar extravagâncias, €150,00, por pessoa, por dia, como factível para refeições, atrações e pequenas compras.
Desbloquear cartões de crédito para uso no exterior, antes da viagem, e anotar os números e telefones das pessoas de contatos, ou tirar cópias dos mesmos. Deixar uma cópia em casa e outra em local diferente do original durante a viagem.
Muito cuidado com os cartões, pois o chip e senha muitas vezes não são necessários no exterior. Em caso de perda, pode ser utilizado facilmente por outra pessoa.
As compras com o Cartão de Crédito, Débito ou com Travelcards, serão taxadas em 6,38% de Imposto sobre Operações Financeiras – IOF.
Se o valor do câmbio para compra de euros no Brasil for vantajoso (compare com o câmbio oficial), utilizar dinheiro em espécie é recomendável para turistas brasileiros, principalmente depois do aumento nas taxas do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) nas compras com cartões. Deve-se, entretanto, observar os cuidados necessários para transporte e manuseio da moeda.
Dica: Compre uma pequena pochete doleira, coloque os seus euros e use por dentro da calça (sem moedas para evitar perrengue no raio X dos aeroportos).
Tomada elétrica
Quando vamos viajar, dificilmente pensamos em detalhes como esse: qual o modelo de tomada do país que se vai visitar? Mas isso pode, muitas vezes, se transformar em um transtorno. Imagine você com seu celular descarregado, máquina fotográfica ou computador? Tendo que desperdiçar o tempo de suas férias para encontrar em algum supermercado ou loja de eletrônicos um adaptador universal?
O plugue padrão dos aparelhos elétricos na Grécia são do tipo “C” e “F”, semelhantes os utilizados em Portugal e é assim:

Além disso, a voltagem é 230V, 50 Hz. Logo, se você quiser levar seus aparelhos elétricos e eletrônicos para Grécia, precisará de um adaptador para a tomada e um transformador para a voltagem, exceto para Ipad, notebooks e celulares que são bivolt. Os adaptadores podem ser comprados em Atenas em várias lojas para turistas e de eletrônicos ou solicitados no hotel.
Mais informações sobre plugs e tomadas aqui.
Telefones
Solicitar roaming de seu telefone celular, para qualquer eventualidade, lembrando que é a pior opção. Não habilite dados em hipótese alguma, pois a conta será absurda.
A Embratel tem um serviço de ligações internacionais a cobrar ou por cartão, com assistência em português.
Você pode fazer ligação a cobrar da Grécia para o Brasil, para telefone fixo, discando 80016122054194;
Outras opções:
- Chip da empresa MaxRoam. Ele vai funcionar em 230 países automaticamente, com preços muito próximos dos praticados pelas operadoras locais, inclusive pós-pagos. Você compra via internet (mínimo 30 dias antes da viagem) e recebe pelos Correios. A compra é fácil: você escolhe o seu tipo (SIM - só para celular, para Ipad, internet para celular e até um próprio celular novo com chip) e qual crédito gostaria de ter (10€, 20€, etc). Dá para calcular mais ou menos as tarifas que você vai pagar através do site, bastando informar para onde vai viajar (“I’m Roaming In”) e para onde vai fazer a maior parte das ligações (“I’m calling to”).
Você pode acompanhar toda a sua movimentação online com um extrato detalhado na sua conta, como duração, número e valor de cada chamada, atualizado automaticamente e em tempo real. E ainda pode comprar números locais por períodos limitados de tempo. Dá para ter um número da Itália para que as pessoas liguem, sem ter que pagar.
- Chipmax - Faça e receba chamadas telefônicas, envie e receba SMS e navegue na Internet direto do seu próprio celular ou Tablet.
Aplicativos
- Os aplicativos para smartphones que funcionam com o sistema VoIP (Voice Over Internet Protocol) são o meio mais econômicos de fazer ligações internacionais. Eles funcionam melhor com wi-fi, mas também podem ser usados com 3G, dependendo da qualidade da conexão de dados.
- O Skype (www.skype.com) oferece ligações gratuitas para outros usuários do Skype ou chamadas para telefones fixos ou celulares por tarifas baixas, bastando comprar créditos antecipadamente.
- O Viber (www.viber.com) também é prático. Você liga de graça para quem também tem o aplicativo.
- O aplicativo WhatsApp é a melhor opção atualmente. No hotel (solicite a senha na portaria), nas redes Mcdonalds e outros locais obtenha o Wifi e pronto, está conectado. Veja aqui locais com Wifi grátis. Se a sua versão foi a mais atualizada poderá fazer ligação gratuita para outro celular nas mesmas condições (que maravilha).
Você pode compartilhar a conexão do seu celular para acesso a internet por outro celular de pessoa que lhe acompanhe na viagem, com um único chip, através do Acesso Pessoal.

Cartões pré pagos - Veja aqui esta opção
Conexão WI-FI paga
Muitas operadoras oferecem planos com internet wi-fi, nos quais você paga para se conectar o hotspots. A Boingo (www.boingo.com) é uma das gigantes do negócio, com mais de 1 milhão de hotspots espalhados pelo mundo. Para usá-los você precisa contratar um plano (preços começam em US$7,95). Baixando o aplicativo da empresa você é avisado toda vez que há uma conexão disponível por perto.
Veja mais informações sobre ligações internacionais aqui
Bagagem
A franquia de bagagem vai depender da empresa aérea e como será a sua viagem. Se vai fazer voo direto para o destino ou utilizar várias companhias. Solicite informações a companhia (ou companhias aéreas) contratada.
Normalmente funciona assim:
Bagagem de mão adequada para ser transportada no compartimento fechado por cima do lugar do passageiro ou por baixo do assento, com dimensões máximas de 110 cm: 55x35x20 cm.
Classe Econômica: 1 peça até 8 kg                           
Classe Executiva: 2 peças com peso total de 16 kg
A franquia de bagagem despachada gratuita transportada no porão pode ser estabelecida com base no peso ou no número de peças a transportar.
Seguindo normas internacionais para as condições de Segurança e Saúde no Trabalho, a TAP, por exemplo, não transporta malas/volumes com mais de 32 kg. As malas/volumes com mais de 32 kg têm de ser transportadas como carga.
Identificar as malas, por dentro e por fora, com nome, endereço completo e telefones no Brasil e no exterior;
De Atenas é que se partirá para as ilhas em aviões pequenos ou de barco. Claro que você não carregará sua mala maior para esse trajeto, uma vez que ela é completamente dispensável. Sua mala grande pode ficar em um locker do hotel ou do aeroporto aguardando sua volta das ilhas, levando-se para as ilhas apenas uma pequena mala por pessoa. Mas, lembre-se, você vai entrar e sair dos barcos, andar dos portos até os hotéis e nada de carregar peso, portanto, novamente, as rodinhas e a alça para puxá-las vão ajudar muito.
No aeroporto Elefterios Venizelos de Atenas, deixe as malas maiores no "baggage storage" da empresa Pacific Travel. O preço da diária varia de acordo com a quantidade de horas e o tamanho das bagagens. Paga-se na volta.


Entre no link e confira: Pacific Travel
Medicamentos – Levar na mala de mão os necessários para usar durante a viagem. Demais, na mala despachada.
Bagagem despachada – se for viajar acompanhado, colocar em cada mala roupas dos dois viajantes. Caso uma seja extraviada haverá roupas para os dois.
Bagagem de mão – levar um conjunto de roupa para qualquer eventualidade.
Pinças, tesouras, cortadores de unha, cremes, shampoo e perfumes devem estar na mala despachada.



Como arrumar a sua mala



Ver mais informações sobre bagagem aqui - http://borgesviagens.blogspot.com.br/2014/08/bagagens.html
Embaixada brasileira em Atenas
O expediente na Embaixada do Brasil em Atenas é de segunda a sexta-feira, das 09:00 às 15:00 horas.
Endereço: Vasilissis Sofias, nº 23 - 3º andar
Código Postal 10674, Atenas - Grécia
Telefone: (+30) 210-7213039 -  Fax: (+30) 210-7244731
E-mail:brasemb.atenas@itamaraty.gov.br
Consulados Grego no Brasil - Veja aqui
Fuso horário
A Grécia está 5 horas à frente do horário de Brasilia. No horário de verão no Brasil ou da Grécia (29/03 a 25/10) a diferença é de 6 horas. Observe se o seu Estado faz parte do horário de verão.
Veja aqui Post sobre Fuso Horário
Imigração
Como não existem voos diretos para a Grécia, a imigração será no primeiro pais da Europa que você chegar. Os voos entre os países da Europa são considerados "domésticos", não havendo imigração nem carimbos.
Você passa pela imigração, seu passaporte é carimbado e você então está admitido na Europa. Aí é só procurar o portão de embarque do vôo seguinte, que vai ser "doméstico". Ao passar pelo controle de segurança, você vai precisar mostrar o passaporte, mas só para provar que você é o dono da passagem. Ninguém vai mais lhe perguntar nada.
Sua bagagem segue do Brasil direto para o destino final. Confira no recibo colado no canhoto do seu cartão de embarque.
Os aeroportos onde os agentes são mais duros são Madri, Londres e Dublin.
A fila de imigração normalmente é separada em duas, são elas:
- Passaportes da União Europeia (EU).
- Todos os outros passaportes.
Sendo o seu passaporte brasileiro entre na fila única e aguarde sua vez.
Não falar ao celular, evitando ser chamado à atenção.
Apresentar ao Oficial da Imigração o Passaporte e o formulário de imigração, que será entregue durante o voo e deve ser preenchido ainda no avião. As perguntas são todas simples. Ainda no Brasil, veja no site do hotel o endereço e guarde para preencher no formulário.
Algumas dicas:
- Retire seu passaporte de qualquer capa protetora que esteja usando. Muitos oficiais não gostam de recebê-lo assim. Entregue apenas o passaporte e o formulário.
- Leve impressa a reserva do seu hotel e passagem aérea de volta.
- O seguro de viagem, que é obrigatório para entrar na Europa (ver item acima sobre Seguro de Viagem).
- Não entregue nada que não tenha sido solicitado.
- Responda as perguntas diretamente e sem enrolação.
- Familiares poderão fazer a imigração juntos. Amigo, namorado ou qualquer pessoa sem parentesco deverá passar sozinho pela imigração.
Se não souber falar a língua do local de imigração, peça ajuda ao Oficial.
Perguntas que podem ser feitas:
Qual o motivo de sua estada – Responder turismo / passeio / férias;
Quando tempo pretende ficar – Responder quantos dias;
Onde vai ficar – Informar o nome do hotel e endereço;
Qual a sua profissão – Informar a sua profissão;
Quantos Euros está trazendo – Informar o valor real;
Se sua primeira parada no país for Atenas, o melhor é pegar o metrô no aeroporto e seguir para o centro da cidade, já que o táxi pode sair caro, uma vez que o trajeto demora mais de 30 minutos por conta do trânsito. No caso de ir para outras cidades, convém alugar um carro lá mesmo. No site do aeroporto há todas as informações, incluindo mapas para facilitar a vida do turista.
No aeroporto, uma dica: para usar os carrinhos de malas, é necessário pagar com moeda de um euro. Portanto, caso tenha trocado, lembre-se de deixar especialmente reservado para esse fim.
Transporte
Transporte de/para o aeroporto de Atenas
Metrô (linha azul)
O metrô que se conecta ao aeroporto de meia em meia hora. Atenção para os avisos digitais que existem nas plataformas de embarque, que indicam o destino do trem. O valor é diferente do ticket de transporte comum, e custa 8€ por viagem. Confira horários aqui.
Ônibus Expresso
Existem 4 linhas especiais que saem do aeroporto para diferentes pontos da cidade, com uma tarifa de 5€ por viagem e operam 24h por dia:
X93 – passa pelos dois terminais rodoviários da cidade
X95 – vai até a Praça de Syntagma
X96 – liga o aeroporto ao porto de Pireus
X97 – vai até a estação de metrô Daphny
Clique aqui para conferir os horários dos ônibus expresso.
Táxi Comum
A tarifa aproximada é de 35€ e geralmente os motoristas levam 2 ou 3 pessoas no máximo, e costumam cobrar pelas malas, mas isso deve ser negociado antes de entrar no táxi, pois esse “extra” não é legalizado e não precisa ser pago se for feito um acordo com o motorista, antecipadamente.
Transporte de/para o porto de Pireus
Metrô (ou Ilektrikô, como é chamado o trem da linha verde do metrô)
Essa linha tem acesso a partir das estações de Omônia ou Monastiráki. A estação terminal Pireus fica em frente aos portões 6 e 7 do porto, de onde saem os navios para as ilhas ciclades. Saindo da estação, é só subir por uma escada rolante e atravessar a passarela, que sai do lado de fora do porto.
Ônibus Expresso
A tarifa custa 5€ e a linha X96 liga o aeroporto de Atenas ao porto de Pireus.
Táxi Comum
A tarifa aproximada é de 20€, mas pode ser que o motorista cobre um pouco a mais para deixar o passageiro dentro do porto. Dica: sempre mostre ao taxista sua passagem marítima, para que ele vá direto ao seu portão de embarque. O porto de Pireus é muito grande e nem sempre tem conexão interna entre os portões, e a distância entre eles são muito grandes para se fazer a pé.
Como se movimentar entre as ilhas
Para ir de uma ilha à outra, a melhor opção é pegar o ferry. Quanto menor o tempo de viagem maior é o preço. Como as principais ilhas não ficam tão próximas, para sua comodidade avalie a possibilidade de utilizar os ferrys mais rápidos. A passagem custa, em média, uns 50 euros. Os tickets podem ser comprados online e trocados no porto, antes do embarque. Alguns sites cobram taxa para fazer a reserva. Avalie neste site
Os ferries da Blue Star não dão direito a assento reservado, tem que sentar pelas cadeiras que ficam no deck. Se o trajeto for muito longo (ex: mais de 10 horas), há a opção de pegar uma cabine, mas tem que pagar a mais.
Avalie a possibilidade de ir em pequenos aviões. Mais caros, porém rápidos.
Transportes em Atenas
Metrô
Além de oferecer bons serviços e linhas que levam o visitante aos principais pontos da cidade, o metrô de Atenas também proporciona uma viagem pela história do país. Em estações como a da praça Syntagma, por exemplo, estão expostos objetos encontrados durante escavações feitas para a implementação do transporte público.


É muito fácil utilizar o metrô de Atenas. Três linhas - verde (1), vermelha (2) e azul (3) - fazem o transporte de passageiros diariamente, sendo os horários de funcionamento da linha 1 das 5h à 0h15 (de domingo a quinta-feira) e das 5h às 2h15 (sextas e sábados). Já as linhas 2 e 3 operam das 5h30 à 0h06 (domingo a quinta) e das 5h30 às 2h06 (sextas e sábados). As estações mais importantes para quem vai a passeio são: Syntagma, Monastiraki e Akropoli.


Os bilhetes podem ser facilmente adquiridos em qualquer uma das máquinas que ficam na área central das estações. Basta seguir as instruções (disponíveis em inglês) para adquirir o bilhete individual (válido também para uso em ônibus e bonde elétrico), que custa €1,20 ou €1,40 (válido durante 90 minutos). Visitantes que pretendem passar uma quantidade maior de dias na cidade podem economizar adquirindo o tíquete semanal, que custa €14 e é ilimitado (ao longo de 7 dias, a partir da data da primeira validação).
Veja aqui um mapa do Metrô – Mapa download
É importante que a cada dia você faça um planejamento das visitas utilizando o mapa do metrô. Nada de ir entrando nas estações sem saber para onde quer ir. Vai perder tempo e atrapalhar os locais que estão a trabalho.


Bondinho (tram)
Assim como o metrô, o sistema de bondes elétricos de Atenas oferece três linhas. A linha verde (número 2 “Platon”), por exemplo, dá acesso a praias próximas da cidade (destino: Voula). Durante a semana os bondes funcionam até 1h. Às sextas, sábados e domingos, o transporte está disponível 24 horas. Mais informações pelo site.
Trem
Trens suburbanos fazem o trajeto de Atenas ao porto Piraeus/aeroporto internacional Eleftherios Venizelos (e vice-versa). As linhas começam a circular a partir das 5h40 e o bilhete único custa €8. Mais informações aqui.
Táxi
São uma boa opção para acessar lugares específicos e também para locomoção durante a madrugada. As tarifas não são caras, mas uma dica é observar se o taxímetro está zerado ao entrar no veículo. Outra dica importante é ter sempre anotado o nome da rua ou local pretendido no alfabeto grego.
A pé
Por reunir uma grande quantidade de atrações muito próximas umas das outras, Atenas é uma cidade muito fácil de ser explorada a pé. É importante, no entanto, que o visitante use um sapato confortável e roupas adequadas (principalmente durante o verão). Aqueles que gostam de tours guiados podem optar pelo localmente famoso Athens walking tours. Informações completas aqui.


Ônibus Citysightseeing
Custa 18 Euros e pode ser utilizado por 24h, permitindo a saída e entrada novamente durante esse período. Com essa opção é possível descer nas paradas dos sítios e museus, visitar o local e continuar o passeio até outro ponto de interesse. Para mais informações, clique aqui.
Sunshine Express
Um trenzinho que faz um pequeno city tour e custa 5 Euros. Mais informações aqui.
Dicas de segurança

Pickpockets (batedores de carteiras)
O metrô é um dos campos preferidos (especialmente da linha de Piraeus-Kifissia) e as ruas cheias de gente ao redor Omonia, Athinas e do mercado de Monastiraki.
Os motoristas de táxi
Motoristas de táxi atenienses têm uma reputação terrível, em parte merecida. Será sorte sua receber um serviço honesto e correto. Tenha cuidado especial com aqueles que são excessivamente amigáveis. Mantenha-se sério.
Os abusos mais frequentes ocorrem no aeroporto, estações de trem e ônibus e no porto de Pireus. Normalmente, os taxistas não ligam o taxímetro e podem pedir uma quantia exorbitante ao final da corrida. Caso não ligue o taximetro é melhor desistir e procurar outro veículo.
Há casos de taxímetros adulterados ou taxistas que usam a bandeirada da noite durante o dia (taxa 2 a luz se acende).
A melhor maneira de se proteger é anotar o registro do táxi e do motorista e pedir um recibo, que é obrigado. Em caso de desacordo, o melhor é chamar a polícia (100).
Hooks
Para aqueles passageiros que chegam tarde e sem reserva de hotel, alguns motoristas de táxi aplicam o golpe de leva-lo para um hotel onde ele tem gratificação.
Não viaje sem hotel reservado e confirmado.
Agências de viagens
Certas agências na área de Plaka / Syntagma tem pessoas tentando vender pacotes "baratos" para ilhas. Eles andam nos pontos de ônibus e metrô à espera de turistas inocentes para acompanhá-los às agências. Lá, um vendedor faz pressão para você comprar pacotes a preços inflacionados.
Para sua segurança compre os seus pacotes ainda no Brasil.
Bares
Ocorrem frequentemente no centro, especialmente em torno de Syntagma. Um grego amigável se aproxima do turista e depois de um bate-papo oferece bebida. Num piscar de olhos, algumas meninas pedem bebidas e o grego amigo desaparece e o viajante acaba tendo que pagar uma conta exorbitante.
Bebidas adulteradas
Em alguns bares e discotecas em Atenas são servidos o que é chamado bombes, bebidas adulteradas com licor ilegal barato ou metanol, garantindo uma tremenda ressaca. Uma maneira de evitar o risco é beber cerveja e outras bebidas engarrafadas ou solicitar uma marca conhecida.
Outros cuidados
O crime aumentou em Atenas, devido à crise econômica que assola o país. Embora os crimes violentos ainda sejam raros, os viajantes devem ser cautelosos, principalmente à noite. As ruas em torno Omonia, com o aumento da prostituição e uso de drogas, devem ser evitadas, especialmente à noite.
Ao viajar no metrô ou andar em locais movimentados, esteja alerta.
Deixe a sua bolsa junto ao seu corpo no metrô, restaurante, ou café ao ar livre.
Ao pendurar seu casaco no cabideiro de um restaurante, certifique-se de não deixar nada de valor nos bolsos do casaco, como seu celular.
Nada de deixar bolsas e carteiras na mesa ou cadeira no restaurante, inclusive do hotel, para ir se servir.
Sempre esteja ciente das coisas ao seu redor e aja de acordo. Não mexa na sua bolsa, ou conte o dinheiro da carteira durante uma viagem de metrô, ou em pé no meio da rua.
Se você sair do caminho principal, as chances são de você acabar chegando em uma área mais pesada e desprivilegiada do que as partes turísticas da cidade. Se planeje para saber onde está indo. Tenha os mapas da cidade e do metrô em mãos ou faça download para o celular ou tablet.
Dicas
Localize supermercados próximos ao seu hotel, onde você pode comprar água, sucos e lanches baratos e levá-los. Os preços nos hotéis são abusivos.
Não mantenha o contato visual com estranhos no transporte público, pois isso é considerado inadequado. Conversas altas também são irritantes para os outros passageiros, bem como conversas no celular.
Levar a mochila nas costas também é inadequada nos trens e metrôs: leve nas mãos, ponha no chão aos seus pés, ou virada para frente no seu corpo.
Certifique-se de escolher um hotel com um bom sistema de ar condicionado, durante o verão, já que muitos quartos de hotel não possuem ventilação.
Pare num jornaleiro e compre algumas revistas. Elas são ótimas para ter uma ideia do que está acontecendo atualmente na cultura
Veja na recepção do hotel revistas e folders que vão lhe ajudar nos passeios.

Telefones emergenciais
O 112 é o número de emergência da União Europea para o qual pode ligar gratuitamente de um telefone fixo ou de um celular, em qualquer país da UE, para entrar diretamente em contato com os serviços de emergência: polícia, ambulância ou bombeiros.
O 112 também é utilizado em alguns países fora da UE, como a Suíça e a África do Sul.

Nenhum comentário:

Postar um comentário