quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Guia de Viagem - Plugs e Tomadas


Acesse o link abaixo e veja:
 
 
 
ou "Mais informações" abaixo:
 








A - este tipo de tomada prevê plugs com conectores na forma de barras metálicas achatadas. Não possui conexão para fio terra. Em alguns modelos, uma das fendas é mais larga do que as outras (indicado em vermelho no desenho); esta característica permite que plugs com uma das barras achatadas mais larga do que a outra sejam encaixados sempre do mesmo lado. Este tipo de tomada é padronizado em alguns países para instalações elétricas com dois fios, fase (energizado) e neutro (não energizado), permitindo manter esta diferenciação no aparelho a ser conectado à tomada.

Países que adotam este tipo de tomada: Arábia Saudita, Aruba, Bahamas, Bangladesh, Barbados, Bermudas, Bolívia, Cambodja, Canadá, China (com barras metálicas nos plugs ligeiramente mais curtas do que as utilizadas nos outros países), Colômbia, Costa Rica, Cuba, El Salvador, Equador, Estados Unidos, Filipinas, Guam, Guatemala, Guianas (as três), Haiti, Honduras, Ilhas Cayman, Jamaica, Japão, Laos, Líbano, Libéria, Maldivas, Nicarágua, Nigéria, Panamá, Peru, Porto Rico, Tailândia, Taiti, Taiwan, Venezuela, Vietnam e Yemen.

B - este tipo de tomada prevê plugs com conectores na forma de barras metálicas achatadas. Adicionalmente, possui orifício para entrada de um terceiro conector no plug, na forma de pino arredondado, destinado à conexão com o fio terra.

Países que adotam este tipo de tomada: os mesmos países que adotam o tipo A, exceto Bangladesh, Bolívia, Cambodja, China, Maldivas, Peru, Tailândia, Taiti, Vietnam e Yemen. Também é encontrado nos Açores, Belize e Trinidad e Tobago.

C - este tipo de tomada prevê plugs com conectores na forma de pinos metálicos arredondados. Não possui conexão para fio terra.

Países que adotam este tipo de tomada: Açores, Albânia, Alemanha, Algéria, Angola, Argentina, Áustria, Bangladesh, Bélgica, Bolívia, Bósnia, Bulgária, Burundi, Cabo Verde, Casaquistão, Chile, Congo, Coréia, Croácia, Dinamarca, Djibuti, Egito, El Salvador, Eritréia, Espanha, Filipinas, Finlândia, Gabão, Gibraltar, Grécia, Guadalupe, Guinéia, Hungria, Ilhas Canárias, Ilhas Madeira, Índia, Indonésia, Irã, Iraque, Israel, Iugoslávia, Kuwait, Laos, Líbano, Lituânia, Luxemburgo, Macedônia, Madagascar, Marrocos, Martinica, Mauritânia, Mauritus, Moçambique, Mônaco, Nepal, Netherlands, Nigéria, Noroega, Omânia, Paquistão, Paraguai, Peru, Polônia, Portugal, Romênia, Ruanda, Rússia, Senegal, Síria, Somália, Sudao, Suécia, Suíça, Surinane, Tailândia, Togo, Tunísia, Turquia, Uruguai, Vietnam, Zaire, Zâmbia.

D - este tipo de tomada prevê plugs com conectores na forma de pinos metálicos arredondados, com um terceiro pino para fio terra.

Países que adotam este tipo de tomada: Afeganistão, Bangladesh, Benin, Botswana, Camarões, Chad, El Salvador, Emirados Árabes, Equador, Etiópia, Gana, Grécia, Guadalupe, Hong-Kong, Índia, Iraque, Israel (Jerusalém), Jordânia, Kênia, Líbano, Líbia, Macau, Madagascar, Maldivas, Martinica, Mônaco, Namíbia, Nepal, Níger, Nigéria, Paquistão, Quatar, Senegal, Serra Leoa, Sri Lanka, Sudão, Tanzânia, Yemen, Zâmbia, Zimbabwe.

E - este tipo de tomada prevê plugs com conectores na forma de pinos metálicos arredondados, com um terceiro pino para fio terra. Em comparação com o tipo D, o pino correspondente ao fio terra está mais próximo dos demais pinos. Além disso, há uma inversão: o pino correspondente ao fio terra localiza-se na tomada, não no plug: este possui um orifício para encaixe do mesmo. No desenho da tomada, a cor verde indica a presença do pino ao invés de um orifício. Neste tipo de tomada é possível encaixar plugs do tipo C.

Países que adotam este tipo de tomada: Bélgica, Burundi, Camarões, Chad, Congo, Djibuti, El Salvador, Eslováquia, Guiné Equatorial, França, Guiana Francesa, Grécia, Guadalupe, Ilhas Canárias, Indonésia, Laos, Lituânia, Madagascar, Mali, Martinica, Mônaco, Marrocos, Nigéria, Polônia, Senegal, Síria, Taiti, Tunísia.

F - este tipo de tomada prevê plugs com conectores na forma de pinos metálicos arredondados, com dois conectores destinados ao fio terra. Estes conectores para o fio terra consistem em pequenos pinos metálicos arrredondados, localizados na tomada e não no plug, o que é indicado pela cor verde no desenho. Além disso a tomada possui encaixes laterais recortados em sua estrutura, de modo que o plug só pode ser encaixado com seus correspondentes encaixes alinhados aos da tomada. Neste tipo de tomada é possível encaixar plugs do tipo C.

Países que adotam este tipo de tomada: Açores, Alemanha, Algéria, Aruba, Áustria, Bulgária, Cabo Verde, Chad, Coréia, Croácia, El Salvador, Finlândia, França, Grécia, Guiné, Hungria, Ilhas Madeira, Indonésia, Itália, Jordânia, Laos, Luxemburgo, Moçambique, Mônaco, Netherlands, Nigéria, Noroega, Portugal, Romênia, Samoa, Suécia, Surinane, Turquia, Uruguai.

G - este tipo de tomada prevê plugs com 3 conectores na forma de barras metálicas achatadas, sendo um deles (colocado de forma perpendicular aos demais) destinado ao fio terra. Em comparação com o tipo A, as barras metálicas são maiores, mais largas e mais grossas.

Países que adotam este tipo de tomada: Arábia Saudita, Bangladesh, Belize, Botswana, Brunei, Camarões, China, El Salvador, Emirados Árabes, Gâmbia, Gana, Gibraltar, Granada, Guatemala, Guianas (as três), Hong Kong, Ilhas Seychelles, Inglaterra, Iraque, Irlanda, Jordânia, Kuwait, Líbano, Macau, Malásia, Malawi, Maldivas, Malta, Mauritus, Nigéria, Oman, Quatar, Serra Leoa, Singapura, Tanzânia, Uganda, Vietnam, Yemen, Zâmbia, Zimbabwe.

H - este tipo de tomada prevê plugs com 3 conectores na forma de barras metálicas achatadas, sendo o conector correspondente ao fio terra disposto como se fosse a base de um " Y " em relação aos demais.

Países que adotam este tipo de tomada: Gaza, Israel

I - este tipo de tomada é semelhante ao tipo H, porém as barras metálicas correspondentes aos fios fase / neutro estão dispostas em ângulo contrário.

Países que adotam este tipo de tomada: Argentina, Austrália, China, El Salvador, Guatemala, Ilhas Fiji, Nova Zelândia, Okinawa, Panamá, Papua, Tadjiquistão, Tonga, Uruguai.

J - este tipo de tomada prevê plugs com 3 conectores em forma de pinos metálicos arredondados, sendo o correspondente ao fio terra, central, ligeiramente deslocado em relação aos demais.

Países que adotam este tipo de tomada: El Salvador, Etiópia, Madagascar, Maldivas, Ruanda, Suíça.

K - este tipo de tomada prevê plugs com 2 conectores em forma de pinos metálicos arredondados, e um terceiro, correspondente ao fio terra, central, deslocado em relação aos demais e em forma de " U ".

Países que adotam este tipo de tomada: Bangladesh, Dinamarca, Groelândia, Guiné, Madagascar, Maldivas, Senegal, Tunísia.

L - idem J, porém com os 3 plugs alinhados.

Países que adotam este tipo de tomada: Chile, Cuba, El Salvador, Etiópia, Itália, Maldivas, Síria, Tunísia, Uruguai.

M - semelhante ao tipo D, porém com pinos mais grossos.

Países que adotam este tipo de tomada: África do Sul, Moçambique, Suécia.

(*) - a partir de 2007 o Brasil adotou um padrão de tomadas diferente de todos os demais padrões existentes no mundo. Baseado no tipo "J" em aparência, difere do mesmo por usar pinos com menor diâmetro ou com maior diâmetro que os do padrão "J", conforme o tipo de intensidade de corrente elétrica a que se destina. Assim, ao invés dos pinos de 4,5mm de diâmetro do padrão "J", as tomadas brasileiras possuem ou pinos de 4 mm de diâmetro ou pinos de 4.8 mm de diâmetro, para uso em 10 e 20A. A ilustração exemplifica o plug com pinos de maior diâmetro.

Ao contrário dos padrões anteriormente utilizados no país até esta data, os novos modelos, ao não seguirem nenhum padrão mundial, exigem adaptações e/ou o uso de conversores de tomadas nos equipamentos trazidos do exterior, possuindo por este motivo, baixo nível de segurança. Esta deficiência em termos de compatibilidade com padrões largamente utilizados nos demais países requer atenção e cuidado em questões relacionadas a riscos de sobreaquecimento e eventuais falhas em contatos. Os adaptadores devem ser bem encaixados e não devem permitir o "jogo" na movimentação entre os plugs. A falta de compatibilidade também introduziu problemas estéticos em algumas instalações, ao exigir a utilização dos adaptadores e não da conexão direta nos aparelhos importados.

Adaptadores de plugs permitem a conexão de aparelhos com plugs de um determinado tipo em tomadas destinadas a tipos diferentes de plugs. Geralmente a flexibilidade destes dispositivos é aumentada por desconsiderarem o conector destinado ao fio terra. No entanto este fato não chega a causar problemas quando os adaptadores são utilizados para equipamentos que não necessariamente necessitam de fio terra e/ou não ficarão conectados um longo tempo à rede elétrica, como é o caso do uso de carregadores de baterias ou laptops.

Existem kits de adaptadores em peça única com diferentes entradas / saídas e adaptadores com encaixes conforme o padrão desejado.
Adaptadores não alteram a voltagem, simplesmente permitem a conexão entre tipos diferentes de plugs e tomadas. Para efetuar modificações na voltagem é necessário o uso de um conversor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário